Qual o ROI do Marketing Digital?

É muito comum os clientes perguntarem sobre o ROI (retorno do investimento) das ações de Marketing Digital e Marketing de Conteúdo quando estão negociando a terceirização desses serviços.

Isso é perfeitamente compreensível. Os sócios ou a diretoria buscam sempre por essa resposta quando estão contratando marketing de conteúdo, afinal ninguém quer investir em ações de qualquer tipo para a empresa sem alguma expectativa de retorno.

Esse retorno, inicialmente, é bem relativo de medir, pois, pode depender de vários fatores internos e alheios ao negócio, então trago aqui alguns dados do mercado para trazer mais clareza. Como diz o dito popular, contra fatos, não existem argumentos.

  • 53% dos usuários brasileiros passam mais de seis horas por dia conectados, segundo a ESET, empresa de segurança online.
  • 90% dos usuários não se decidiram sobre a compra de uma marca específica antes de realizar uma pesquisa online, segundo a Hubspot
  • Negócios que usam o Marketing de Conteúdo apresentam 1,3 vez mais visitas, segundo a Rock Content
  • 1,4 vezes mais leads foram gerados para negócios que adotaram o Marketing de Conteúdo em sua estratégia, segundo estudo da Rock Content.
  • Segundo o Instagram, 347 mil scrolls (movimento de baixar a tela) são feitos na rede a cada minuto

Se esses argumentos ainda não te convenceram que o investimento em produção de conteúdo para canais digitais é retorno certo, permita-me fazer algumas considerações a mais.

Não investir em Produção de Conteúdo é perder oportunidades diárias de vendas.

Hoje, o pior ROI do Marketing Digital que uma empresa poderá ter no digital é continuar sem uma presença online marcante e de qualidade, deixando de executar essas ações ou, ainda pior, realizando ações sem estratégia de conteúdo, desse modo, somente desperdiçando tempo, esforço da equipe e recursos internos.

Além disso, a disponibilização de conteúdo educativo ou informativo sobre seu produto/serviço, reduzirá seus custos de aquisição de cliente (CAC), por diminuir os esforços da equipe de vendas, que trabalharão com prospectos mais informados e propensos a adquirir de sua empresa por conhecer seus benefícios e terem mais confiança em sua organização.

Um grande ponto de atenção e que muitas dessas empresas estão deixando fora das contas, são os custos de perda de oportunidades que têm diariamente simplesmente pelo fato de não terem uma estratégia de geração de conteúdo. Como calcular os incontáveis contratos perdidos diariamente por estar invisível ao público certo nessas rolagens?

É nítido que o mundo já está hiper conectado e é impensável imaginar atualmente um cidadão, principalmente dos grandes centros urbanos, sem um Smartphone na mão para solucionar seus desafios diários, portanto, esse investimento em produção de conteúdo é deixar sua solução visível para os consumidores.

Resultados do Marketing Digital e do Marketing de Conteúdo

É importante lembrar que toda ação estratégica dentro do Marketing Digital e Marketing de Conteúdo é como se fosse uma engrenagem em um sistema maior. Quanto mais delas forem adicionadas na “máquina”, maiores e mais rápidos os resultados obtidos na campanha.

Veja abaixo todos os canais que sua empresa pode trabalhar para garantir melhores resultados:

  • Redes Sociais: Facebook, Instagram, Linkedin, Pinterest, etc.
  • Site
  • Blog
  • E-mail Marketing
  • Tráfego Pago: Google Ads

Cada canal tem suas características específicas e deverá ser trabalhado com planejamento e estratégia para alcançar o melhor retorno.

Se ainda estava em dúvida se sua empresa deveria investir na produção de conteúdo para garantir uma maior presença online, espero que estes argumentos possam ter sanado e que comece hoje mesmo sua estratégia digital.

Portanto, agora que já reconheceu a importância do uso dessa estratégia e viu o quanto ela poderá ajudar sua empresa a alcançar melhores resultados, acompanhe sempre nossos conteúdos e dicas no Blog e conte sempre com minha ajuda e da equipe da Santa Aquisição para implementá-la e começar hoje mesmo a atrair seu cliente ideal.

Artigo publicado originalmente em Santa Aquisição